quinta-feira, 13 de abril de 2017

Os males da saudade

Ó saudade...
Choro todas as vez que lembro-me de ti
E daquele teu sorriso que me acalmava
E que sempre me fazia sorrir.

Fica por saber...
Que guardo nas lembranças o teu olhar
E na saudade a singela esperança
de um dia novamente te encontrar.

Por que tanto me fazes sofrer maldita?
Sabes que sofro todos os dias
Por não em meu corpo senti mais o teu calor
Suplicando em choros a tua companhia
E em versos expressando minha dor

A muitas lembranças de você em mim
Que me faz viver a procurar por ti
Mas sempre me encontro cercado
No real e no imaginario
me perdendo sempre no abstrato.
e do caminho de ser feliz.

Por que não mas te encontro saudade?
Acho que estou começando a esquecer
De todas as lembranças que me levaram a você
Do seu simples porém belo sorriso,
E daquele inocente e esverdiado olhar,
Que é como a felicidade de estar
Rumo ao paraíso constelar.

Necessito da tua presença "saudade"
Pois já não suporto mas esse sentimento
Que me trata com maldade,
Sentimento esse que é a própria saudade
O legitimo agente da rejeitada infelicidade.

Então me encontre saudade,
Pois a alegria do reencontro
É como a mais bela das paisagem,

Nenhum comentário:

Postar um comentário

✍ Em momentos difíceis; Eu queria chorar com a facilidade de uma criança, Que quando facilmente consegui o que deseja,  Sorrir enxu...